15 de setembro de 2016

Atendimento Antiprofissional

O atendimento precisa ser profissional e acima de tudo humano e muitas pessoas se esquecem disso. Não há sensibilidade, agem com frieza e lançam teorias, queixas, negatividade. Esquecem-se que a Pessoa com Deficiência e sua família precisam de amparo, acolhida, amizade, afinidade e cumplicidade, compreensão, amor. O atendimento anda cada vez mais robotizado. 

Falando em termos mais claros é que detesto atitudes de certas " profissionais" "patricinhas", ou "patricinhos" que  quando vê qualquer paciente faz aquela cara como se a pessoa fosse um cocô (aquela cara de nojo) que se aplicam a elas mesmas. Ou então aquelas que vem falar só coisa negativa ao paciente. Sempre contraria a gente em tudo pois acha que sabe mais por ter uma faculdade nas costas. Respeito e amor ao próximo é uma coisa que só dá quem tem dentro do coração mesmo.

Adriana Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário